Arquivo da tag: O mundo com outros olhos

Eu amo pessoas.

Benjamin Jenks é um cara que tinha uma viagem dos sonhos. Porém, a dele era um pouquinho diferente. Ele não queria conhecer Paris, Indonésia ou a China. Ele queria conhecer o máximo de gente possível em um mochilão pelos Estados Unidos.

O resultado dessa trip é este vídeo incrível

Deu vontade de levantar da cadeira, pedir demissão e cair no mundo? De tirar do papel aquele plano ou sonho que vc tem faz anos?

Pois bem, esta era a intenção de Jenks. O cara, não feliz em realizar seu sonho, criou o Adventure Sauce : um  site com vídeos , dicas, textos e imagens para motivar as pessoas a realizarem seus sonhos .

“I’m Benjamin Jenks and I help young adults get what they want out of their life, work, and travel, so that every morning is the start of another epic and spicy adventure.”

A teoria motiva e ao mesmo tempo frustra. É fácil criar desculpas de que você gostaria de ter tempo (e dinheiro) para tirar os sonhos do papel, viver uma aventura , quebrar a rotina, se sentir mais vivo ….

Por isso, daqui da minha cadeira, eu acredito que aventuras não se medem em tamanho, loucuras ou grandes viagens e projetos. Sim, elas fazem parte. Mas, na minha opinião, apenas encarar a vida com a inocência de quem não sabe tudo, deixar a cabeça aberta para coisas e pessoas novas, sem preconceitos e regras sociais já é um enorme passo para se sentir vivo e viver uma nova aventura todos os dias.

Anúncios

Quer inovação? Incentive a curiosidade …

Hoje topei com outra mensagem sobre o poder da curiosidade.

Desta vez foi um depoimento do consultor britânico Charles Landry  para o projeto Criaticidade. Ele diz que todo mundo pode ser criativo com sua vida, na sua empresa, na sua cidade, basta apenas exercitar a curiosidade.

Concordo 100000%

Simples ideias. Grandes descobertas.

Já tinha visto este vídeo um tempo atrás e hoje acabei topando com ele novamente.

Lembrei de como é  bacana ver o poder das simples perguntas, da pura curiosidade. Não adianta tentar enrolar e enfeitar , pois  as verdades, as respostas e as descobertas  geralmente estão em raciocínios simples…

Bora exercer nossa curiosidade e criatividade!!!!

Quando a arte supre a necessidade de uma comunidade.

O artista Ruganzu Tusingwire criou um parque de diversões para as crianças na Uganda utilizando garrafas de plástico recicladas.

Paguei um pau mto, mas mto, grande.

Estas crianças geralmente crescem em um ambiente sem áreas seguras para diversão. Por isso, o parque não é apenas uma puta lição de como cuidar do planeta, mas também é um lugar onde as crianças conseguem ser crianças, se divertir e aprender.

“I shifted from doing artwork to just hang on walls, having little influence on society, to doing art that solves community needs. It’s helped me realize my value to society.”

Este slideshow necessita de JavaScript.

O cara é foda!!! Não foi àtoa que ele ganhou o TED Prize 2012.

Sarau do Binho

Poetas, cantores, músicos, atores e outros artistas populares se revezam de forma livre, com o propósito de mostrar sua arte para quem estiver interessado em ver e ouvir. Este é o Sarau do Binho.

Alguns meses atrás, o bar que abrigava toda essa galera foi fechado pela prefeitura.

( o bar da frente do meu prédio que toca sertanejo e está torturando meus ouvidos  e  meu sono eles não fecham, né? )

Porém, mesmo sem casa eles continuam com alguns encontros itinerantes  e realizando seus outros movimentos que também são bem fodas.

 

Enfim, para que isso tudo continue acontecendo e eles consigam se reconstruir, o Sarau do Binho  criou  um projeto no Catarse . 

Vale visita para conhecer e colaborar com a proposta dos caras !!!!!

Outsiders: a beleza dos invisíveis

Outsiders é um projeto do fotógrafo francês Pierre Gonnord que retrata um conceito bem diferente de  beleza .

Ele escolheu um grupo que vive no anonimato das grandes cidades. São as pessoas que passam por nós todos os dias sem serem notadas.  São os feios, deformados, cegos, mendigos.  Enfim , aqueles que ao nosso ver não possuem beleza alguma.

O resultado do trabalho é simplesmente impressionante. Ele conseguiu captar ( e eu consegui enxergar) a beleza de cada olhar, de cada história, de cada sentimento.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este projeto me lembrou muito um livro que vi um tempo atrás  sobre a vida das pessoas que ao vestirem um uniforme, ganham invisibilidade e são tratadas como se não existissem.

Homens Invisíveis – Relatos de uma Humilhação Social é  narrado pelo psicólogo Fernando Braga que , ao se vestir de gari para um projeto da faculdade, ficou o dia todo sem receber ao menos um bom dia.

Se você não conhece a história desse livro, vale dar uma lida nessa matéria aqui . O tema é triste, mas muito verdadeiro.

 

Luz nas vielas: positividade com o Graffiti Flutuante

O Boa Mistura , um coletivo espanhol , trouxe para o Brasil o “Luz nas Vielas”, um projeto super bacana de “Floating Graffiti”

As palavras cheias de positividade, pintadas pelos artistas e por crianças da região,  parecem estar flutuando pelas vielas da Vila  Brasilândia .

Floating-graffiti_01
Floating-graffiti_02
Floating-graffiti_04
Floating-graffiti_05
Floating-graffiti03

Bacana mesmo seria se esssas palavras fizessem parte das atitudes diárias e não apenas da estétia local 🙂